Prefeitura Belford Roxo: Belford Roxo entra no combate à violência contra mulher

Prefeitura Belford Roxo: Belford Roxo entra no combate à violência contra mulher

Belford Roxo entra no combate à violência contra mulher

Belford Roxo já conta com o projeto Patrulha Maria da Penha. O lançamento aconteceu nesta terça-feira (19) no Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceambel) e contou com a presença de autoridades, gestores, coordenadores e técnicos. O projeto é realizado em parceria da Secretaria da Mulher, através do Ceambel com a Secretaria de Segurança Pública, através da Guarda Civil Municipal de Belford Roxo.

Além de prevenir a violência contra mulheres, o Patrulha Maria da Penha tem o objetivo de ajudá-las a identificarem os tipos de violência e, assim, denunciarem os possíveis abusos. Duas agentes da Guarda Municipal fizeram um curso sobre o assunto na Secretaria Nacional de Segurança Pública e farão ciclos de palestras sobre violência em escolas, associações, nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e nos Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas). Na Baixada, além de Belford Roxo, o projeto funciona em Duque de Caxias.

A secretária da Mulher, Fabiane dos Santos, informou que o projeto tem o objetivo de informar e proteger as mulheres da violência física e verbal. “Infelizmente, sabemos que os casos de violência crescem cada vez mais. O município está fazendo a sua parte. Aqui no Ceambel temos assistentes sociais, técnicos, psicólogos que atendem as mulheres em situação de vulnerabilidade. Esse projeto vai colaborar muito com o nosso trabalho”, frisou Fabiane. A secretária executiva da Pasta, Marlene Rosinha, disse que o projeto vai ajudar as mulheres a ter coragem de denunciar os abusos e as violências sofridas.

O secretário Municipal de Segurança Pública, Alberto Vieira, explicou que, com a criação do projeto, o município estará dando um grande passo no combate à violência contra a mulher.  A secretária de Assistência Social e Cidadania, Rosana Moura parabenizou a todos os envolvidos na elaboração do projeto. “Apesar dos novos tempos, sabemos que ainda é grande o índice de violência contra mulher. Elas ainda têm medo de denunciar. Temos que quebrar este tabu”, acrescentou.

 

Trabalho em conjunto

19De acordo com a coordenadora do Ceambel, Francis Araújo, este projeto é de suma importância e visa ajudar, de forma preventiva, a combater a violência entre as mulheres. “Vamos desenvolver um trabalho em conjunto com todas as Secretarias e fazer o empoderamento das mulheres”, disse. Os responsáveis pela Divisão de Projetos da Guarda Civil Municipal, os inspetores Thiago Silva e Egidio Soares ressaltaram que a Patrulha Maria da Penha tem um caráter educativo.

Segundo as agentes da Guarda Municipal de Belford Roxo, Erika Viana e Roseane Pereira, que serão as responsáveis pelas palestras, de início o projeto terá cunho preventivo. “Vamos informar sobre a importância da Lei Maria da Penha e ajudar as mulheres a identificar as situações de violência. Verificaremos também o cumprimento das medidas protetivas de urgência e reprimir eventuais atos de violência. São várias formas de violência como doméstica, física, psicológica”, explicaram.

A coordenadora da Patrulha Maria da Penha de Duque de Caxias, Neuseli Daris, disse que o projeto já existe há dois anos no município e visa além de informar, ajudar no cumprimento de medidas protetivas e reprimir a violência contra as mulheres. A coordenadora do Conselho Tutelar, Marineide Santos explicou ainda que, junto de uma criança que chega ao órgão precisando de ajuda, tem sempre uma mãe passando por problema e, muitas das vezes sofrem de violência. “É importante a realização de um trabalho em conjunto para combater esta questão”, frisou.

A líder da Pastoral da Criança da Igreja de São Vicente de Paula, Zenir Ramos de Queiroz Silva, uma das participantes do encontro, destacou que o Patrulha Maria da Penha é de suma importância para a população. “Lidamos no nosso dia com crianças e muitas delas as mães sofrem com algum tipo de violência. Elas precisam receber um acompanhamento”, enfatizou. Várias autoridades participaram do lançamento, entre elas, o secretário de Articulação Política, Algacir Moulin.

 

Ceambel

O Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceambel) fica na Avenida Joaquim da Costa Lima 2490, bairro Santa Amélia. O local conta com assistentes sociais, psicólogas, psicopedagogas, advogadas e uma recreadora para ajudar as mães que vão com crianças. Desde janeiro deste ano, o CEAMBEL já realizou 532 atendimentos.  O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Contato: 2761-5845/2761-6604/2761-6700 e o Disque Emergência – 180.

Prefeitura de Belford Roxo



Leia no Site Oficial da Prefeitura de Belford Roxo