Prefeitura Belford Roxo: Belford Roxo encerra evento sobre alimentação escolar

Belford Roxo encerra evento sobre alimentação escolar

Terminou na manhã de hoje (11) o Encontro de Monitoramento e Assessoria Sobre a Execução do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). O evento que aconteceu durante uma semana no plenário da Câmara Municipal foi promovido pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), através do Departamento de Alimentação Escolar em parceria com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O destaque do encerramento ficou para a professora Camila Costa, agente do Pnae no Centro Colaborador em Alimentação e Nutrição Escolar (Cecane – Unirio), que abordou desafios, teorias e potencialidades na elaboração no cardápio da merenda escolar.

O evento reuniu funcionários que diariamente participam de todo o trâmite da merenda escolar, desde a parte burocrática e jurídica até a aquisição dos produtos, estocagem, elaboração e preparo da merenda. “Recebemos um suporte muito importante por parte dos agentes do Pnae e Cecane. Nossas escolas foram visitadas pelo grupo e a merenda escolar recebeu conceito máximo na avaliação”, disse professor Rafael Araújo, responsável pela Setor de Merenda do município.

Chefe do Setor de Nutrição da Semed, Roberta Xavier, ressaltou que o cardápio de alimentação dos 47 mil alunos matriculados nas 83 unidades escolares e creches, inclui carne vermelha, frango, peixe, ovo, frutas, verduras e legumes. “O cardápio é balanceado para suprir a necessidade de cada faixa etária”, assegura a nutricionista.

Na abertura do evento, ocorrido no dia oito, o secretário de Educação, Denis Macedo, disse que de 2017 a 2019 Belford Roxo avançou muito na questão da merenda escolar. “Quando assumimos, em primeiro de janeiro de 2017, visitamos escolas e vimos que a alimentação básica era salsicha e miúdos de frango. Ouvi relatos que às quintas e sextas-feiras a merenda era só café com biscoito. Avançamos bastante e conseguimos banir a salsicha do cardápio. Hoje, este embutido só é utilizado nos cachorros-quentes quando há algum tipo de festividade nas escolas”, concluiu Denis

Prefeitura de Belford Roxo



Leia no Site Oficial da Prefeitura de Belford Roxo