Prefeitura Belford Roxo: Alunos da Escola Municipal Ernesto Pinheiro Barcellos recebem identidade em Belford Roxo

Alunos da Escola Municipal Ernesto Pinheiro Barcellos recebem identidade em Belford Roxo

Crianças da Escola Municipal Ernesto Pinheiro Barcellos, no bairro Itaipu, em Belford Roxo, que foram cadastradas no projeto “Protegendo o Futuro”, receberam a primeira via da carteira de identidade. O projeto é desenvolvido pela Secretaria de Assistência Social e Cidadania (SEMASC), em parceria com a Secretaria de Educação, Ministério Público (MP) e Detran, e tem como objetivo prevenir o desaparecimento de crianças e adolescentes do município. Criado em 2017 pela Secretaria Executiva de Direitos Humanos, o “Protegendo o Futuro” foi premiado em Brasília pela Secretaria Nacional de Direitos Humanos, como o melhor projeto: Prêmio Direitos Humanos 2018, com direito a troféu e certificado.

De acordo com o secretário de Assistência Social e Cidadania, Diogo Bastos, o projeto foi elaborado a pedido da deputada federal, Daniela do Waguinho, em 2017, quando ela era a secretária da pasta. “O projeto foi elaborado para que pudéssemos identificar, através da identidade, os jovens que desaparecessem ou se perdessem. Fizemos a parceria com a Educação, pois são nas escolas que estão o maior número deles. Estamos em processo de ampliação e intensificação do projeto, pois é um direito do cidadão de possuir um documento de identificação”, concluiu Diogo que ainda informou que a cidade de Belford Roxo é a primeira do país a promover identificação biométrica em meninos e meninas do município.

Janaina Barbosa, 46 anos, mãe dos alunos Isac Barbosa, 12 e Emanuel Barbosa, 8, recebeu a identidade dos meninos. “Gostei muito do projeto, pois é um meio para identificá-los, até porque eles andam sozinhos de ônibus. Agora eles têm um documento. Para a sociedade e parta a justiça eles existem”, finalizou Janaina.

Prefeitura de Belford Roxo



Leia no Site Oficial da Prefeitura de Belford Roxo