Educação de Belford Roxo promove Semana Literária

Educação de Belford Roxo promove Semana Literária


BELFORD ROXO – Como forma de valorizar a literatura e incentivar a leitura e a escrita, a Secretaria de Educação de Belford Roxo vai realizar, de 16 a 20 abril, a Semana Literária 2018. Este ano, a rede municipal de ensino está trabalhando o tema “Ora leio, Ora escrevo – E assim estou construindo minha história”, da autora Sylvia Orthof. Durante a Semana Literária, as unidades escolares terão uma programação diferenciada com a realização de diversas atividades de incentivo à leitura e culminâncias com apresentações dos alunos em alusão à autora homenageada. Ano passado, o município homenageou o autor gaúcho Mário Quintana. 


A Semana Literária 2018 contará ainda com uma palestra para os Dinamizadores da Sala de Leitura, no próximo dia 19, às 9h, no polo Cederj. A palestrante será Carolina Braga, que falará sobre o tema “Abrindo a caixa de ideias, uma conversa sobre Sylvia Orthof”. Os dinamizadores de leitura estão desenvolvendo os trabalhos com os alunos desde o início do ano letivo. O secretário de Educação, Denis Macedo, disse que o “Autor Homenageado” é o elemento base do trabalho de incentivo à leitura, sendo o carro-chefe da Sala de Leitura. “A intenção do nosso prefeito Waguinho é de promover o contato direto de toda comunidade escolar com autores renomados da literatura brasileira e suas obras. A cada ano, temos a possibilidade de conhecer novos autores e ampliarmos o nosso repertório literário”, disse o secretário.

O secretário-executivo de Educação, Rodrigo Cantalice, informou que a cada ano a Semana Literária de Belford Roxo presta uma homenagem a um autor da literatura brasileira. “A obra e a vida dos autores são trabalhadas com os alunos, permitindo que ampliem seu repertório literário e o contato com diferentes gêneros de textos”, informou. A chefe de Divisão da Leitura, Ana Paula Nunes, responsável pelos dinamizadores de leitura da rede, explicou que a programação da Semana Literária deste ano será feita nas unidades escolares, onde cada uma terá o seu horário de acordo com a realidade da escola. 

Conhecendo Sylvia Orthof

Dona de uma vasta obra voltada para o público infanto-juvenil, a autora Sylvia Orthof se traduz naquilo que julgamos essencial para a formação de “leitor-escritor”. Ela utiliza uma linguagem simples e bem-humorada para abordar diferentes temas do cotidiano, provando que a leitura e a escrita podem ir além do lápis e papel, provocando encantamento. Sylvia Orthof nasceu em 1932, na cidade de Petrópolis, no Rio de Janeiro. Fez parte da Escola de Arte Dramática do Teatro do Estudante e começou a atuar no teatro aos 15 anos.

A autora morou dois anos em Paris, onde fez cursos de mímica, desenho, pintura e arte dramática. Viúva, mãe de três filhos, Sylvia casou-se pela segunda vez com Tato, arquiteto e artista plástico que ilustrou muitos dos seus livros. Depois que começou a escrever para as crianças, não parou mais, e, por suas histórias, recebeu diversos prêmios importantes. Morreu no dia 24 de julho de 1997, mas suas histórias continuam vivas encantando crianças e adultos. “Maria Vai com as Outras”, “Uxa! Ora fada, ora bruxa”, “Se as coisas fossem mãe”, entre outras são algumas de suas obras.

Notícia postada originalmente em clique aqui para ver

Prefeitura de Belford Roxo Site Não Oficial